Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘Ovnis’

As mais recentes evidências sobre os Ovnis serão analisadas neste fim de semana por especialistas de oito países no primeiro encontro deste tipo que acontece no Equador, informaram os organizadores nesta sexta-feira.

 

Os ufólogos se concentrarão na cidade de Loja até o próximo domingo no II Congresso Internacional Ovni e Vida Extraterrestre. Participarão do evento especialistas do Brasil, Argentina, Colômbia, Chile, Estados Unidos, México, Peru e Equador, que vão analisar os mais recentes vídeos e provas sobre o tema.

 

“Apresentaremos vídeos inéditos, como a visita de um ser extraterrestre identificado como Banghu, que se apresentou na embaixada do Equador em Lima e disse aos diplomatas o que tinham de fazer para reverter a conduta do governo”, comentou o organizador do encontro, Juan Rodríguez.

AFP

 [YouTube=http://www.youtube.com/watch?v=bhI8Ktp_B0w]

 

  

 www.salteadoresdaarca.com

 

Anúncios

Read Full Post »

Outra hipótese é ainda mais espantosa, talvez com os extraterrestres finalmente descendo em todas as capitais da Terra em grandes naves (como é prometido por Ashtar Sheran). Outra, defendida pelos gnósticos, é que quando a Terra for deslocada abruptamente de seu eixo natural (23º em relação ao Sol), será como se as estrelas do céu tivessem se movido, ou seja, caído, mas na realidade é a alteração do eixo terrestre.

et.jpg

Read Full Post »

“E a um eclipse do Sol sucederá o mais escuro e o mais tenebroso verão que jamais existiu desde a Criação até a paixão e morte de Jesus Cristo, e de lá até esse dia, e isto será no mês de outubro, quando uma grande translação se produzirá, de tal modo que julgarão a Terra fora da órbita e abismada em trevas eternas”. (Nostradamus, Carta a Henrique II )

“O Sol converter-se-á em trevas, e a Lua em sangue, ao se aproximar o grandioso e temível dia do senhor” (Livro de Joel)

“Quando o sol ficar completamente eclipsado;
O monstro será visto em pleno dia;
mas o interpretarão de outra forma.
Não serão tomados cuidados: ninguém irá prevê-lo.” (Nostradamus, cent.III, quadra 34 )

Por passar em uma órbita perpendicular à da Terra, Marduk ainda não foi captado. E quando o for, os cientistas calcularão que ele passará distante. Será uma mera atração astronômica, como o cometa Halley. Mas subitamente o planeta desviará sua trajetória (na verdade o erro será de cálculo da órbita) e passará astronomicamente “perto” da Terra, ou seja, o suficiente para as alterações às quais alude Nostradamus e a Isaías, na Bíblia. Os espiritualistas avisam que a população não será alertada, até ser tarde demais. Nosso planeta sacudirá por 3 dias e 3 noites.

“A Terra está de todo quebrantada, ela se move totalmente com violência. A Terra cambaleia como um bêbado e balanceia como rede de dormir.” (Isaías, 24:19-21)

“E logo depois da tribulação daqueles dias, escurecer-se-á o Sol, e a Lua não dará a sua luz, e as estrelas cairão do céu, e as potestades do céu serão abaladas. E então aparecerá o sinal do Filho do Homem no céu, como o relâmpago que sai do Oriente e se mostra até o Ocidente”. (Mateus, 24:27)

lm.jpg

Read Full Post »

A aproximação deste gigante dos céus poderá causar seríssimas perturbações na Terra e em outros planetas, especialmente em Marte e Urano, segundo constam afirmações gnósticas. Daí a correlação toda com várias profecias, e isto, se ocorrer realmente, deverá ser nas próximas décadas. É claro que ele já foi detectado por diversos cientistas, e podemos ter certeza que a preocupação nos meios da Inteligência norte-americanos é enorme.

A Terra, que atcualmente tem o seu eixo levemente inclinado (cerca de 23º), recuperará sua posição vertical. O mar invadirá continentes adentro e novas terras aparecerão do oceano. Deve-se, então, procurar os lugares mais altos? Isso será suficiente para a salvação da população terrestre?

l.jpg

Read Full Post »

Recentemente a UNICEF elaborou um ranking dos países com mais alta mortalidade infantil; por mortalidade infantil, entende-se a morte de crianças até aos cinco anos, quer por causas neo-natais, quer por doença. O “pódio” está assim formado:
1º SERRA LEOA : 270 por mil;
2ºANGOLA : 260 por mil;
3ºAFEGANISTÃO :257 por mil.

Do Afeganistão, ressalta a herança taliban que proibia os cuidados de saúde às mulheres; de Angola, causa-nos uma revolta maior quando se sabe as infra-estruturas que deveriam ser criadas com a riqueza do petróleo, diamantes,etc., que alimenta a oligarquia do MPLA; da Serra Leoa, a miséria comum a outros países africanos.
A Suécia, Singapura e San Marino têm a taxa mais baixa de 3 por mil; Portugal apresenta um excelente 167º (em 189) lugar com 5 por mil.
Outros países de expressão portuguesa:Guiné-Bissau em 11º com 200 por mil; Moçambique em 22º com 138 por mil; São Tomé em 43º com 96 por mil; Timor em 65º com 55 por mil; Cabo Verde em 83º com 34 por mil.

Estes dados referem-se a 2006. O Relatório realça os progressos de Timor, Nepal, Malawi, Cabo Verde e Índia. Esperemos que os responsáveis timorenses continuem os objectivos de diminuir o mais possível a mortalidade infantil , esforço notável tendo em conta as frágeis condições do jovem País. Em contraponto, Angola tem grandes recursos que são criminosamente negligenciados.
Ao todo, por dia, morrem no Mundo 26 mil crianças.
É nosso dever procurar ajudar com meios financeiros e outros este grande drama.

Read Full Post »

  www.salteadoresdaarca.com

A PROPÓSITO DAS OBSERVAÇÕES REPETIDAS

Desde há cerca de vinte anos, a Terra tornou-se perigosa
para o Cosmo, e as aparições de MOC sucedem-se a um ritmo
acelerado, apesar de a imprensa, a rádio e a televisão nos
informarem com uma parcimónia que anda perto da censura.
 Estas manifestações estão ligadas a uma hábil política
de controle, lembrando aos humanos que eles não estão sós
no sistema solar. 
 
Os extraterrestres quereriam transmitir já os fundamentos de um grande ensinamento cósmico, mas eles sabem que o astral de cada um o deformaria.  O contacto existe ao nível individual.  Aqueles que estejam desejosos de,
no futuro, receber esta revelação deverão dar o primeiro passo. Na consciência microcósmíca, encontramos no infinitesimal tudo o que existe no infinitamente grande ou seja, nos planetas e nas suas forças cósmicas.

Os fundamentos deste grande ensino cósmico universal assentam sobre a mutação una e múltipla, sobre as leis do equilíbrio, ultrapassando os conceitos do bem e do mal,valores usados e antiquados.
  No futuro, a humanidade deverá
fazer tábua rasa e ultrapassar os seus dogmas, as suas doutrinas, tal como os velhos ensinamentos outrora úteis, mas que hoje cheiram ao bolor dos milénios passados.
Os verdadeiros contactados
serão aqueles que encontrarão nas suas investigações novos elementos de coesão, capazes de revelar outra coisa além do que existe já. 

Eles estabelecerão um laço oculto com os planos superiores, e, assim, todos  progrediremos. 

 Livro : “Crónica dos Mundos Paralelos” de Guy Tarade.

www.salteadoresdaarca.com

Read Full Post »

Ronald Waddington, pesquisador e teórico do Triângulo das Bermudas, tenta explicar de uma maneira lógica e racional as desaparições de naves e homens, apontando uma hipótese relativa às forças naturais que podem estar a operar na zona. “Minha hipótese é baseada na constante produção de erupções vulcânicas subterrâneas.  

Magnetômetros detectaram desvios diminutos no campo magnético da Terra causados por artefatos de ferro, fornos para queima de argila e tijolos, alguns tipos de estruturas de pedra, e até mesmo valas e sambaquis em pesquisa geofísica.

Usando instrumentos magnéticos adaptados a partir de dispositivos de uso aéreo desenvolvidos durante a Segunda Guerra Mundial para detectar submarinos, as variações magnéticas através do fundo do oceano foram mapeadas.

O basalto – rocha vulcânica rica em ferro que compõe o fundo do oceano – contém um forte mineral magnético (magnetita) e pode distorcer a leitura de uma bússola.

A distorção foi percebida por marinheiros islandêses no início do século XVIII. Como a presença da magnetita dá ao basalto propriedades magnéticas mensuráveis, estas variações magnéticas forneceram novos meios para o estudo do fundo do oceano.

Quando novas rochas formadas resfriam, tais materiais magnéticos gravaram o campo magnético da Terra no tempo.

Em Outubro de 2003, a magnetosfera da Terra foi atingida por uma chama solar que causou uma breve, mas intensa tempestade geomagnética, provocando a aparição de luzes incomuns no norte.

 www.salteadoresdaarca.com

Read Full Post »

Older Posts »

Anúncios