Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for the ‘mitologia’ Category

 W

Mas, porquê a designação de “mouras encantadas”?

Esta designação remonta à época do domínio árabe (mouro), na Europa Ocidental. Em Portugal, o domínio árabe inicia-se no ano de 711 e só em 1249 se desvanece por completo (em 1249, D. Afonso III toma Faro, Albufeira, Porches e Silves, marcando o fim da reconquista portuguesa; segue-se uma guerra entre Portugal e Castela pela posse do Algarve, que termina em 1253, com o Tratado de Paz).

Fazendo as contas, são mais de 5 séculos de influência da cultura árabe.[YouTube=http://www.youtube.com/watch?v=bznOHTP0vNk]

Qual a origem das lendas da Princesa Moura?

Origem da Princesa Moura

Read Full Post »

São necessários sete dias, aproximadamente, para a Lua ir de uma fase a outra,
e parece que esse foi o motivo para a semana ter sete dias
.

Esta divisão era, ainda na antiguidade, quase universal.

Na Roma antiga era chamada “Septmana”-sete manhãs. Os babilônios talvez tenham sido os primeiros a utilizá-las.

 Eles deram como nomes desses dias os mesmos dos planetas que conheciam (os cinco planetas visíveis a olho nu que conhecemos hoje, acrescidos do Sol e da Lua).

Esta prática, muito antiga, já era usada pelos babilônios. Foi adotada pelos romanos e outros povos europeus influenciados por estes.

calendario.jpg

Em espanhol e em francês foi alterada a nomenclatura do domingo e do sábado;a justificativa é a mesma da língua portuguesa (A Editar)

Na língua saxã, Tiw, Wonden, Thor e Friga representam os deuses correspondentes na mitologia nórdica a Marte, Mercúrio, Júpiter e Vênus.

Esta língua influenciou as línguas inglesa e alemã.

Os dias da semana estão ordenados da seguinte maneira:

 dia do Sol , dia da Lua, dia de Marte, dia de Mercúrio, dia
de Júpiter, dia de Vênus e dia de Saturno.

Notamos que aparentemente esta ordem não tem nenhum sentido. No sistema aristotélico, a ordem de afastamento dos “planetas” da Terra era: Lua, Mercúrio, Vênus, Sol, Marte, Júpiter e Saturno.
Esta ordem foi corretamente deduzida pela velocidade destes astros na esfera
celeste.
Esta origem atribui-se ao hábito, na antiguidade, de dedicar-se cada hora e cada dia a um planeta que influenciaria esta hora ou este dia.

Os planetas eram ordenados do mais afastado para o mais próximo; o planeta que influenciaria a primeira hora do dia era também o planeta daquele dia.
 

Por exemplo: o dia em que sua primeira hora fosse atribuída ao Sol era obviamente
“dia do Sol”, a segunda hora, a Vênus, a terceira, a Mercúrio, a quarta, à Lua,
a quinta, a Saturno, a sexta, a Júpiter, e a sétima, a Marte. Aí se repetia
o ciclo; a oitava ao Sol, e assim por diante.

Para saber qual seria a primeira hora (e as seguintes) do dia, e conseqüentemente o “planeta do dia”, usava-se a “estrela dos magos”, ou heptacorda, uma figura cabalística.

Sete dias na semana II

http://www.salteadoresdaarca.com

 

 

Read Full Post »

justica.jpg
Em Roma, a figura da mulher passou a ser a deusa Iustitia (ou Justitia), de olhos vendados, que, com as duas mãos, segurava uma balança, já com o fiel ao meio. Quer dizer, Iustitia era a deusa romana que personificava a justiça. Equivalia, a deusa Diké na Grécia, diferindo dela por aparecer de olhos vendados, simbolizando a imparcialidade da justiça e a igualdade dos direitos. Seus olhos são vendados (para ouvir bem) e segura uma balança com as mãos ( bem firme).
A deusa deve estar sempre de pé durante a exposição do
Direito (jus), enquanto o fiel (lingüeta da balança indicadora de equilíbrio) deve ficar no
meio, totalmente na vertical, direito (directum).
Os romanos objetivavam, destarte, alcançar a prudência, que para eles significava o equilíbrio entre o abstrato (o ideal) e o concreto (a prática).

Read Full Post »

Será desta que os corruptos vão pró espaço?

www.salteadoresdaarca.com

Diamantes podem ser raros na Terra, mas são surpreendentemente comuns no espaço, segundo novas descobertas realizadas pelas lentes infravermelhas ultra-sensíveis do telescópio espacial Spitzer, informou a Nasa.

A busca por diamantes no espaço começou na década de 1980, quando foi descoberta a presença desses fragmentos de diamantes em meteoritos que caíram na Terra. Segundo os cientistas, 3% dessas rochas eram formadas por nanodiamantes. De acordo com os astrônomos Nasa, se os meteoritos são realmente um reflexo do conteúdo encontrado no espaço, apenas um grama de poeira e gás cósmico pode conter mais de 10 mil trilhões de nanodiamantes. A questão sempre foi a seguinte: se os nanodiamantes são abundantes no espaço, por que não conseguíamos visualizá-los?”disse Charles Bauschlicher, do Ames Research Center, já respondendo a pergunta. “A verdade é que nós não sabíamos o suficiente sobre as propriedades infravermelhas desses elementos para detectá-los”, explicou. Agora, também com ajuda do Spitzer, os cientistas esperam aprender mais sobre o comportamento dos diamantes espaciais.(Redação Terra) Eu responderia…”porque nunca existiu tanta necessidade, de a terra se libertar dos corruptos, que são cada vez mais e mais corruptos”

www.salteadoresdaarca.com

Como não há mal que sempre dure… Luz no fundo do Túnel…façamos figas 🙂

Read Full Post »

“Aparecerá no céu, no norte, um grande cometa”. ( Nostradamus, Cent. II, 43)

“A Lua, devido ao novo corpo celeste, aproximar-se-á da Terra e seu disco aparecerá 11 vezes maior que o Sol, o que provocará maiores marés e inundações.” (Nostradamus, cent. IV, 30 )

 

As fontes de estudo são unânimes em afirmar que dois terços da população da Terra morrerão: “Em toda a terra, diz o Senhor, dois terços dela serão eliminados, e perecerão; mas a terceira parte restará nela”. (Zacarias, 13:8)

mar.jpg

Read Full Post »

“E a um eclipse do Sol sucederá o mais escuro e o mais tenebroso verão que jamais existiu desde a Criação até a paixão e morte de Jesus Cristo, e de lá até esse dia, e isto será no mês de outubro, quando uma grande translação se produzirá, de tal modo que julgarão a Terra fora da órbita e abismada em trevas eternas”. (Nostradamus, Carta a Henrique II )

“O Sol converter-se-á em trevas, e a Lua em sangue, ao se aproximar o grandioso e temível dia do senhor” (Livro de Joel)

“Quando o sol ficar completamente eclipsado;
O monstro será visto em pleno dia;
mas o interpretarão de outra forma.
Não serão tomados cuidados: ninguém irá prevê-lo.” (Nostradamus, cent.III, quadra 34 )

Por passar em uma órbita perpendicular à da Terra, Marduk ainda não foi captado. E quando o for, os cientistas calcularão que ele passará distante. Será uma mera atração astronômica, como o cometa Halley. Mas subitamente o planeta desviará sua trajetória (na verdade o erro será de cálculo da órbita) e passará astronomicamente “perto” da Terra, ou seja, o suficiente para as alterações às quais alude Nostradamus e a Isaías, na Bíblia. Os espiritualistas avisam que a população não será alertada, até ser tarde demais. Nosso planeta sacudirá por 3 dias e 3 noites.

“A Terra está de todo quebrantada, ela se move totalmente com violência. A Terra cambaleia como um bêbado e balanceia como rede de dormir.” (Isaías, 24:19-21)

“E logo depois da tribulação daqueles dias, escurecer-se-á o Sol, e a Lua não dará a sua luz, e as estrelas cairão do céu, e as potestades do céu serão abaladas. E então aparecerá o sinal do Filho do Homem no céu, como o relâmpago que sai do Oriente e se mostra até o Ocidente”. (Mateus, 24:27)

lm.jpg

Read Full Post »

A aproximação deste gigante dos céus poderá causar seríssimas perturbações na Terra e em outros planetas, especialmente em Marte e Urano, segundo constam afirmações gnósticas. Daí a correlação toda com várias profecias, e isto, se ocorrer realmente, deverá ser nas próximas décadas. É claro que ele já foi detectado por diversos cientistas, e podemos ter certeza que a preocupação nos meios da Inteligência norte-americanos é enorme.

A Terra, que atcualmente tem o seu eixo levemente inclinado (cerca de 23º), recuperará sua posição vertical. O mar invadirá continentes adentro e novas terras aparecerão do oceano. Deve-se, então, procurar os lugares mais altos? Isso será suficiente para a salvação da população terrestre?

l.jpg

Read Full Post »

Older Posts »